Resenha: Charlotte Street

Título: Charlotte Street
Autor: Danny Wallace
Editora: Novo Conceito

“Eu estava parado na esquina da Charlotte Street quando aconteceu”.

O título do livro de Danny Wallace, Charlotte Street, é uma rua de Londres que possui um ritmo acelerado. A história que promete ser um romance “engraçado e irreverente” se inicia de uma forma simples e singela que se desenrola na longa Charlotte Street.

Ex-professor e atual metido à jornalista é o protagonista dessa história, Jason Priestly é bem confuso e inseguro, mas tem sonhos e tenta experimentar os momentos e de alguma forma aprende que eternizar alguns, são de fato, de grande valia.

Um cara sincero que sabe quem é você e faz questão que você seja apenas um novo amigo para ele.  Talvez, ele seja apenas um cara carente, insatisfeito, nostálgico e detalhista. Mas, mais do que isso, ele é um homem que tenta esquecer o passado, às vezes sendo infantil e em outras vezes sendo o mais sensato possível, sendo maduro e medindo as consequências.

Ele confia em você, conta seus segredos e tem vergonha de alguns. Mas, isso não importa. Jason Priestly tem uma nova chance, uma nova oportunidade, um novo momento para acreditar que alguma coisa pode acontecer. E essa coisa é uma garota, uma garota atrapalhada e com um sorriso “inacreditável”. Quem é ela? Bem, isso será desvendado aos poucos por culpa de uma câmera descartável de 35 mm que ela deixou para ele. Apenas, “deixou”.

A busca por essa incansável garota da Charlotte Street funcionará como uma ferramenta para Jason e quem sabe como uma válvula de escape. Uma narrativa sobre fases, descobertas e de procura. De velhas amizades e de novas que proporcionam boas emoções.

Jason não é só o protagonista de um romance incerto e, diga-se de passagem, bem incerto. Afinal, ele nem conhece a garota da Charlotte Street! Entretanto, Jason e junto com seu melhor amigo, Dev, se aventuram e aproveitam os momentos que acontecem e sempre fazendo parte deles, mesmo que a princípio o tal do momento não valha tapas na cara.

Alguns vão amar e outros vão odiar. Charlotte Street é um pouquinho mais do que um simples romance. Ele é um livro divertido, leve e pode ser lido a qualquer momento. Ele te ajuda a matar o tempo e além disso é sobre desejos, sobre a vontade de mudanças e da procura de verdadeiros significados. É o ensinamento de captar lembranças memoráveis e de momentos que parecem começos.

O autor é Danny Wallace, o mesmo de “Yes, Man” que foi adaptado para o cinema, no qual Jim Carrey protagonizou. Em sua carreira possui outro best-seller denominado “Join Me” considerado como um fenômeno, além disso, possui uma coluna semanal na revista “Shortlist”.

Postagens mais visitadas deste blog

Esmaltes: Especial Once Upon a Time

Resenha: A Culpa é das Estrelas

Biquini Anos 50